SÉRIE 180 QUESTÕES COMENTADAS DE PSICOLOGIA

QUESTÃO 123. (TJRJ / 2012) M.L.S. de Ocampo e M.E.G. Arzeno, na obra O processo psicodiagnóstico e as técnicas projetivas, concordam que, em um psicodiagnóstico, a entrevista inicial é semidirigida quando o paciente

 

(A) é interrogado sobre os motivos da consulta e responde a perguntas do terapeuta, porém sem liberdade para modificar a ordem dos temas apresentados.

(B) começa respondendo a um questionário e depois poderá conversar livremente sobre as respostas dadas por ele.

(C) dirige a entrevista escolhendo os principais temas a tratar com o entrevistador, sem que este interfira nas escolhas.

(D) tem liberdade para expor seus problemas começando por onde preferir e incluindo o que desejar.

(E) interroga o psicólogo sobre as questões que deseja esclarecer e o psicólogo estrutura suas perguntas a partir deste enquadre inicial.

COMENTÁRIO

O enunciado desta questão é confuso, pois a leitura inicial nos dá a entender que as alternativas irão ilustrar situações em que é indicado utilizar a entrevista semidirigida, mas ao analisarmos as assertivas nos deparamos com descrições da classificação dos tipos de entrevista quanto à sua estrutura.

 

A entrevista psicológica é um instrumento de fundamental importância para o processo psicodiagnóstico. Ao pensar na estrutura da entrevista, o psicólogo deve levar em conta o problema exposto, além de considerar a perspectiva histórica e uma abordagem dinâmica.  A depender da problemática e da estrutura da personalidade do paciente, determinadas áreas e certos conflitos deverão ser mais explorados do que outros, concentrando-se nos pontos da vida do paciente que sejam potencialmente capazes de fornecer explicações para a emergência e o desenvolvimento do transtorno atual (Cunha e cols., 2002).

 

Antes de analisar as alternativas, vamos revisar a classificação das entrevistas quanto à estrutura:

 

Dirigida ou estruturada – a entrevista estruturada é um processo bidirecional de interação, com o propósito previamente fixado pelo entrevistador e que ocorre em uma ordem predeterminada. É cuidadosamente planejada para extrair o máximo de informações do candidato com um mínimo de perguntas do entrevistador. O entrevistador segue um roteiro com perguntas preestabelecidas com base nos objetivos da entrevista;

 

Semidirigida, semiestruturada ou mista – o paciente tem liberdade para expor seus problemas, começando por onde preferir e incluindo o que desejar. O entrevistador intervém a fim de assinalar alguns pontos, quando o entrevistado não sabe como começar ou continuar; assinalar situações de bloqueio ou paralisação decorrente de angústia; investigar certos tópicos sobre os quais o entrevistado não falou espontaneamente e que são considerados importantes para a entrevista;

 

Livre, não dirigida ou não estruturada – há poucas perguntas ou intervenções do entrevistador (sempre formuladas durante a própria entrevista), deixando que o entrevistado tenha liberdade para se expressar. O que se pretende é a obtenção de uma visão geral do problema pesquisado, bem como a identificação de alguns aspectos da personalidade do entrevistado.

 

A fim de obtermos a resposta para esta questão, iremos analisar cada alternativa classificando-as quanto à estrutura das entrevistas:

 

(A) é interrogado sobre os motivos da consulta e responde a perguntas do terapeuta, porém sem liberdade para modificar a ordem dos temas apresentados.

 

DIRIGIDA OU ESTRUTURADA

 

(B) começa respondendo a um questionário e depois poderá conversar livremente sobre as respostas dadas por ele.

 

DIRIGIDA OU ESTRUTURADA

 

(C) dirige a entrevista escolhendo os principais temas a tratar com o entrevistador, sem que este interfira nas escolhas.

 

NÃO DIRIGIDA OU NÃO ESTRUTURADA

 

(D) tem liberdade para expor seus problemas começando por onde preferir e incluindo o que desejar.

 

SEMIDIRIGIDA OU SEMIESTRUTURADA

 

(E) interroga o psicólogo sobre as questões que deseja esclarecer e o psicólogo estrutura suas perguntas a partir deste enquadre inicial.

 

NÃO DIRIGIDA OU NÃO ESTRUTURADA

 

GABARITO: (D) tem liberdade para expor seus problemas começando por onde preferir e incluindo o que desejar.

EXPERIMENTE GRÁTIS O SISTEMA VIP

Administrado por: Editora Sanar LTDA - ME

CNPJ: 18.990.682/0001-92 

R. Alceu Amoroso Lima, 172 - Salvador Office & Pool, 3ro Andar - Caminho das Árvores, CEP 41820-770, Salvador - BA - Brasil Tel.: 71 3052-4831

PARA FALAR COM A NOSSA EQUIPE:

Email: suporte@concursospsi.com

WhatsApp: (71) 99672-9083