SÉRIE 180 QUESTÕES COMENTADAS DE PSICOLOGIA

QUESTÃO 162. (IAMSPE – HSPE / 2012) Um paciente acompanhado por uma equipe interdisciplinar, e internado numa unidade de terapia intensiva de um hospital, precisa urgentemente ser submetido a um procedimento cirúrgico que transgride os seus preceitos religiosos. A equipe solicita a intervenção do psicólogo, justificando que ele é o profissional capacitado para convencer o paciente e seus familiares a aceitarem e autorizarem a intervenção, a despeito de suas convicções religiosas. Nesse caso, de acordo com o que dispõe o Código de Ética, no seu artigo 2.º, item b, o psicólogo deve

 

(A) atender à solicitação, em respeito ao princípio ético de que todo psicólogo dever ter, para com o trabalho de outros profissionais, respeito, consideração e solidariedade.

(B) rejeitar a solicitação para não descumprir o princípio ético que veda ao psicólogo induzir convicções filosóficas, morais, ideológicas e religiosas no exercício de suas funções.

(C) aceitar a solicitação, pois o código de ética determina que todo psicólogo deve aceitar a sua responsabilidade profissional em relação às atividades para as quais esteja capacitado.

(D) rejeitar a solicitação, tendo como argumento o fato de que o pedido dos colegas da equipe o induzem à prática de negligência em relação ao paciente.

(E) aceitar a solicitação, pois é dever do psicólogo fornecer, a quem de direito, na prestação de serviços psicológicos, informações concernentes aos objetivos do seu trabalho.

COMENTÁRIO

O Art.2° é um tópico altamente concursável. Note que trata das VEDAÇÕES, ou seja, o profissional não pode praticar as ações elencadas neste artigo de modo algum, pois estará cometendo grave falta ética. Vamos revisar o inciso b do Art. 2º, conforme indicado no enunciado da questão.

 

Art. 2° - Ao psicólogo é vedado:

 b. Induzir a convicções políticas, filosóficas, morais, ideológicas, religiosas, de orientação sexual ou a qualquer tipo de preconceito, quando do exercício de suas funções profissionais;

 

GABARITO: (B) rejeitar a solicitação para não descumprir o princípio ético que veda ao psicólogo induzir convicções filosóficas, morais, ideológicas e religiosas no exercício de suas funções.

EXPERIMENTE GRÁTIS O SISTEMA VIP

Administrado por: Editora Sanar LTDA - ME

CNPJ: 18.990.682/0001-92 

R. Alceu Amoroso Lima, 172 - Salvador Office & Pool, 3ro Andar - Caminho das Árvores, CEP 41820-770, Salvador - BA - Brasil Tel.: 71 3052-4831

PARA FALAR COM A NOSSA EQUIPE:

Email: suporte@concursospsi.com

WhatsApp: (71) 99672-9083