SÉRIE 180 QUESTÕES COMENTADAS DE PSICOLOGIA

QUESTÃO 43. (TJRJ / 2012) Erik H. Erikson apontou que a busca pela identidade, na adolescência, passa por uma crise normativa, propôs um diagrama epigenético, apresentando um quadro em que são anunciados os conflitos ou crises que caracterizam cada uma das etapas do desenvolvimento humano e preocupou-se em evitar os frequentes estigmas em torno das turbulências juvenis, legitimados sobre a forma de diagnósticos definitivos, inscrevendo a crise adolescente não só como própria ao processo de desenvolvimento da identidade, como condição necessária para tanto, chamando este momento de

 

(A) espaço potencial.

(B) moratória psicossocial.

(C) fenômeno transicional.

(D) processo transferencial.

(E) fase crítica.

COMENTÁRIO

Erikson afirmou que a adolescência é uma fase normal de crise e conflito, caracterizada por uma oscilação na força do ego, cuja tarefa fundamental é a afirmação da identidade psicossocial.

 

Os adolescentes utilizam este período para adotar certos comportamentos, atitudes e ocupações de um modo temporário e experimental, com vistas a decidir o que é melhor e mais apropriado para si mesmos enquanto indivíduos pertencentes a um meio sociocultural a cujas normas e valores terão, em certa medida, de se adaptar.

 

Neste contexto, Erikson compreende a adolescência como uma moratória psicossocial, ou seja, como um período intermediário socialmente aceito, durante o qual o indivíduo pode encontrar uma posição na sociedade por meio do teste de funções, ou seja, uma fase experimental preparatória do compromisso com determinadas opções (Erikson, 1972).

 

GABARITO: (B) moratória psicossocial.

EXPERIMENTE GRÁTIS O SISTEMA VIP

Administrado por: Editora Sanar LTDA - ME

CNPJ: 18.990.682/0001-92 

R. Alceu Amoroso Lima, 172 - Salvador Office & Pool, 3ro Andar - Caminho das Árvores, CEP 41820-770, Salvador - BA - Brasil Tel.: 71 3052-4831

PARA FALAR COM A NOSSA EQUIPE:

Email: suporte@concursospsi.com

WhatsApp: (71) 99672-9083